Ministro Osmar Terra

Osmar Terra: convicção, firmeza e capacidade de diálogo

O ex-ministro do Desenvolvimento Social, o médico gaúcho, de 68 anos, Osmar Terra, tem uma vida dedicada às causas sociais e políticas. E o que pouca gente sabe é que esse engajamento começou ainda na sua juventude, quando militou na política estudantil durante a ditadura na capital gaúcha, Porto Alegre, e, mais adiante, quando coordenou o DCE Livre da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde se formou em Medicina, em 1974.

“Meu compromisso com o Brasil e os brasileiros vem de longe. Nunca me furtei de lutar por aquilo que acho justo. Sempre estive ao lado e à frente das causas em que acredito. E essa trajetória, com certeza, foi o que me trouxe até aqui”, afirma Osmar Terra.

“Para mim, quando sabemos de que lado estamos e onde queremos chegar, tudo fica mais fácil. Por isso, me considero firme nas minhas decisões e opiniões”, salienta.

Osmar Terra se filiou ao MDB

Após se formar, anos depois, em 1986, Osmar Terra se filiou ao MDB, onde passou por sua primeira grande atribuição no serviço público, no cargo de superintendente do antigo Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social (Inamps), no Rio Grande do Sul.

“Lá, digo com orgulho, participei assiduamente da implantação do Sistema Único de Saúde (SUS) no estado e em todo o país”, lembra. E essa não foi a única missão que confiaram ao ex-ministro na atividade pública.

Entre os anos de 1993 a 1996, Osmar Terra foi prefeito de Santa Rosa – município do Rio Grande do Sul que hoje leva o título de “Berço Nacional da Soja” -.

Berço Nacional da Soja - Ministro Osmar Terra

Lá, ele implantou políticas firmes e inovadoras nas áreas da saúde, assistência social, educação, planejamento urbano, indústria e comércio e de apoio à atividade agrícola. Tudo com um só objetivo: o de impulsionar o crescimento econômico e social da região.

“Sou um gaúcho apaixonado pelo Rio Grande do Sul. Me formei longe dali, mas sempre retornei ao meu Rio Grande. E, para mim, a experiência de ser prefeito de Santa Rosa, da forma como foi, com o apoio de diferentes partidos, me deu garra para continuar na gestão pública e buscar fazer ainda mais pela população. Tanto é que, pelo resultado dessa atuação, como prefeito, cheguei à Câmara Federal”, destaca Osmar Terra.

O deputado federal Osmar Terra

deputado federal Osmar Terra - Ministro osmar terra

Osmar Terra cumpriu (e cumpre ainda) três mandatos como deputado federal. Deste, inclusive (da eleição de 2014), ele se afastou durante um período para ser ministro do Desenvolvimento Social. Em seus mandatos, seguindo a lógica de toda sua trajetória, o ex-ministro sempre teve como prioridades a área da saúde e social. Foi ele quem instituiu o Marco Legal da Primeira Infância, por exemplo: Lei nº 13.257, que cria uma série de programas, serviços e iniciativas voltados à promoção do desenvolvimento integral das crianças desde o nascimento até os seis anos de idade.

“Políticas públicas para as crianças de zero a seis é o melhor investimento que o país pode fazer na área social, na área de políticas públicas. O cuidado com a criança nessa fase tem um impacto na escola e em toda vida”, avalia Osmar Terra.“

E digo isso não apenas com base na minha experiência como médico. Essa é uma descoberta recente da ciência: que os primeiros seis anos da vida de uma criança são determinantes para o seu desenvolvimento humano e acho que, agora, estamos avançando no assunto”, diz.

Outro marco de sua atuação no Congresso é o Projeto de Lei (PL) 7663/10, que endurece as medidas de combate às drogas no Brasil.

“Quando fui, durante oito anos, secretário de Saúde no Rio Grande do Sul vi, de perto, o quão preocupante é a questão das drogas. Entre 2003 e 2010, assisti à explosão da epidemia do crack e a multiplicação exponencial de pessoas, na maioria jovens, com dependência química”, lembra Osmar Terra.

Osmar Terra é o combate contra as drogas

Apesar de ter recebido críticas ao PL, em especial daqueles que defendem a liberação do consumo de drogas, o deputado Osmar Terra se manteve firme na defesa de que é preciso, sim, tratar o fim do uso de drogas como prioritário em termos de políticas públicas.

“Ninguém fala isso, mas a verdade é que a maioria das mais de 110 mil mortes violentas/ano no Brasil ocorre por discussões banais, crimes passionais, latrocínio, violência doméstica, acidentes com veículos e suicídios. E, a imensa maioria tem, atrás delas, uma mente alterada. E, numa alta proporção, alterada pelas drogas lícitas e ilícitas”, defende.

Recentemente, também em sua atuação no Congresso Nacional, Osmar Terra apresentou o Projeto de Lei 10331/2018, que prevê a notificação compulsória de casos de automutilação ou tentativa de suicídio.“

Infelizmente, esse tema tem, sim, relevância no nosso país. Hoje, por exemplo, o Brasil é o oitavo país no mundo em número de casos de suicídio. E, atualmente, os especialistas têm afirmado que é importante tratar do assunto e não procurar escondê-lo. E, nessa minha proposta, tem um detalhe importante: a população infantil, mais vulnerável a este problema, recebe tratamento especial”, explica o ex-ministro.

Greve dos caminhoneiros

Greve dos caminhoneiros - Osmar Terra

Osmar Terra teve papel de destaque nas negociações com os caminhoneiros durante a paralisação, em maio deste ano, que, literalmente, parou o Brasil. O parlamentar se manteve firme e tranquilo diante da situação que, para muitos, estava longe de uma solução.

“O trabalho dos caminhoneiros afeta a vida de todos os brasileiros. Essa greve é justa, mas também tem que ter um fim para não prejudicar em demasia a população. E esse fim tem que ser um acordo e é isso que estamos buscando”, afirmou, à época.

Para o deputado, a capacidade de diálogo é imprescindível ao papel de um político.

“Na minha jornada, como médico, como gestor, como político, sempre tive posições firmes. Mas, apesar disso, também sempre soube que a boa comunicação, com todos os setores da sociedade, é que me fariam compreender o meu papel como um cidadão brasileiro. Hoje, não sou só o deputado Osmar Terra. Eu sou todos aqueles que me elegeram e é por eles que luto diariamente”, afirma o médico, o gestor e o político, Osmar Terra.

Noticias Sobre Osmar Terra

Twitter de Osmar Terra

Facebook de Osmar Terra

As noticias de Osmar Terra